Setores da madeira e cortiça impulsionam VAB da silvicultura

Os setores de madeira e cortiça impulsionaram o Valor Acrescentado Bruto (VAB) da silvicultura em 2013, revelam dados divulgados esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

O VAB da silvicultura aumentou 6,0% em volume e 8,7% em valor, em 2013 comparativamente com o ano anterior, mantendo a tendência de crescimento observada desde 2009.

«Para esta evolução foram determinantes os acréscimos na produção de madeira, de mais 6,7% e de cortiça de mais 6,0 pontos percentuais, decorrentes de variações positivas, quer em volume, quer em preço», refere a síntese do relatório de “Contas Económicas da Silvicultura -2013”.

Em 2013, a madeira para triturar «registou o valor de produção mais elevado da série.

Neste ano, destaca-se ainda o aumento em volume da florestação e reflorestação de rendimento regular, de mais 14,9%, devido, sobretudo, a replantações de eucalipto, refere a mesma fonte.

Fonte: Dinheiro Digital 

Regiões

Notícias por região de Portugal

Tooltip